VENHA PRA FACIBRA VOCÊ TAMBÉM!

VENHA PRA FACIBRA VOCÊ TAMBÉM!

quinta-feira, 27 de novembro de 2014

Esporte: Vereador propõe campo sintético municipal



 Nicole Chiaradia
O vereador Luis Carlos Moreira, na foto, (PV) apresentou indicação na última segunda-feira (24) para reforma da quadra esportiva localizada no cruzamento das ruas Ideal Perez e João Klüppel. 
O vereador propõe que o local seja transformado em um campo sintético de futebol e que a iluminação seja adequada para a prática do esporte.
“Temos algumas quadras sintéticas na cidade, mas nenhuma é pública. É preciso que o poder público ofereça e amplie a estrutura para a prática esportiva, acessível a toda comunidade e de boa qualidade”, ressaltou Luis Carlos.


quinta-feira, 20 de novembro de 2014

Saneamento: Rejeitada implantação da Sanepar na Vila Rural Bom Jesus


Em 2ª discussão e votação, os vereadores rejeitaram nesta segunda-feira  – por cinco votos a quatro com desempate do Presidente da Casa, Luis Carlos Moreira (PV), o projeto de lei 1543, que autoriza o Poder Executivo a transferir a prestação de serviços de saneamento básico na Vila Rural Bom Jesus para a Companhia de Saneamento do Paraná (SANEPAR), e dispõem sobre as condições em que a mesma deverá ocorrer.

O Projeto de Lei, que deu entrada na Câmara em 17 de outubro do ano passado, levantou muita discussão e polêmica entre vereadores e moradores locais. Não à toa, a matéria tramitou por mais de um ano no Legislativo e foi analisada pelas Comissões de Saúde, Constituição e Justiça, Obras e Serviços Públicos, Meio Ambiente e Agricultura, Finanças e Orçamento, pela assessoria jurídica da Casa e pelo Instituto Brasileiro de Administração Municipal (IBAM). De um lado ficaram os que alegavam ser urgente e necessária a implantação do serviço de saneamento para elevar o padrão de qualidade da água distribuída aos moradores, atualmente fora dos parâmetros estabelecidos pelo Ministério da Saúde. De outro, os produtores de hortaliças que temem altas taxas pelo consumo de água.

Finalmente, no último dia 23 de outubro, a Câmara realizou uma Audiência Pública na comunidade do Bom Jesus para discutir o projeto. Estiveram presentes o Prefeito Municipal, Braz Rizzi (DEM), a Secretária de Meio Ambiente, Poliana Monti, o Gerente Regional da Sanepar, Juarez Wollz, o Presidente da Câmara, Luis Carlos Moreira (PV), o qual conduziu os trabalhos, e os vereadores Claudinei José Moreira, o Toddynho (PTC), Silvio de Jesus Trindade, do Alemão (PTB) e Vilson Soares (PSB). Ao fim da Audiência foi realizada uma votação simbólica entre os presentes, que registrou 11votos contrários e 8 favoráveis a implantação da Sanepar.

Em primeiro turno, no último dia 10 de novembro, o projeto foi aprovado por seis votos a dois. Porém, em segundo turno e votação definitiva, os vereadores rejeitaram o projeto com o voto de minerva do Presidente da Casa, que justificou seu voto alegando ‘atender a vontade da maioria dos moradores locais’.

                                                                        Discussão
De autoria do Executivo, o Projeto 1543 atende ao abaixo assinado com 36 nomes, mais de um terço dos moradores locais, que reivindicava que a prestação de serviço de abastecimento fosse realizada pela Sanepar. Conforme dados do Censo de 2010, a Vila Rural Bom Jesus possui 53 residências, totalizando 102 habitantes. Na justificativa da matéria, o prefeito municipal Braz Rizzi escreve que a população local ‘consome água sem qualquer tratamento, colocando em risco toda a coletividade’, pois é a própria população que faz o tratamento e distribuição da água captada de uma mina, sob tarifa de R$ 6, sem qualquer procedimento técnico de análise de qualidade. A última avaliação feita da água consumida pelos moradores do Bom Jesus foi realizada pelo laboratório da Universidade Estadual de Ponta Grossa, em março de 2013, a pedido da Vigilância Sanitária. O resultado da análise mostrou que a água não se enquadra nos parâmetros estabelecidos pelo Ministério da Saúde.

Em contrapartida à preocupação sanitária, está a inquietação quanto à tarifa a ser cobrada pela Companhia de Saneamento. Alguns moradores, além do uso doméstico, cultivam hortaliças e utilizam grande volume de água. O Gerente Regional da Sanepar, Juarez Wollz, na Audiência Pública explicou que a taxa será de R$ 25,15 para consumo de até 10 mil litros de água, e para aqueles que se enquadrarem na Tarifa Social, pelo menos 50% das residências segundo levantamento da própria empresa, R$ 6,60.

CÂMARA VOTA HOJE A LEI DE DIRETRIZES ORÇAMENTÁRIA


Nicole Chiaradia

O Presidente da Câmara, Luis Carlos Moreira (PV), convocou sessão extraordinária a ser realizada na hoje a partir das 17h30, no Plenário da Casa. A reunião fará a primeira discussão e votação da Lei de Diretrizes Orçamentária (LDO) 2015, que estabelece as metas e prioridades da administração municipal para o próximo ano. A Comissão de Finanças e Orçamento expediu parecer favorável a tramitação e aprovação do projeto.

Em agosto deste ano, a Câmara realizou Audiência Pública com representantes da sociedade civil e cidadãos que puderam encaminhar propostas de investimento a serem incluídos na LDO 2015. Os pedidos entregues foram analisados por vereadores e pelo Poder Executivo, que priorizaram atender ao máximo os anseios das instituições e a qualidade de vida da comunidade em geral.

Também entrará em votação uma emenda a LDO, proposta pela Câmara, que altera de 10 para 4% do total do orçamento para abertura orçamentária suplementar feita pela gestão municipal, sem passar por apreciação do Legislativo.
 
 NOZ DA ÍNDIA ELIMINA A GORDURA CORPORAL

                                                  TELEVENDAS 9990-4478

quarta-feira, 19 de novembro de 2014

ENQUETE PRA PREFEITO EM ARAPOTI

2016 esta cada vez mais perto e com isto os grupos políticos já estão em plena articulação visando a eleição municipal.

Se um desses fosse o candidato a prefeito em quem você votaria: Carlinhos Moreira, Pepe, Lelo, Luiz Fernando, Braz ou Rosi.
Vote na enquete do lado direito do Blog.


segunda-feira, 17 de novembro de 2014

DESVIO

PREFEITURA ESTUDA 
TIRAR CAMINHÕES 
DO CENTRO
O Presidente da Câmara Carlinhos Moreira e o vereador Pepe participaram da reunião

Autoridades políticas e empresariais de Arapoti se reuniram, para discutir a implantação de um contorno na cidade para desviar o trafego de caminhões pesados pela área central.

O próximo passo é estudar a viabilidade técnica e o trajeto exato para a construção do Contorno que já esta sendo chamado de "Contorno Sul". "Esperamos que todos os envolvidos possam colaborar para um melhor desenvolvimento de Arapoti”, concluiu o chefe de gabinete da prefeitura Washington Luiz Pietrochinski.

Também participaram do encontro representantes da Cooperativa Capal, indústria de madeira Arauco, da fábrica de papel Stora Enso, dos setores de engenharia e jurídico da Prefeitura, o presidente da Câmara Municipal, vereador Luiz Carlos Moreira, e o vereador Nelson Marcolino o Pepe.


TELEVENDAS 9990-4478

sexta-feira, 14 de novembro de 2014

Aprovado: Vila Rural Bom Jesus terá abastecimento da Sanepar

Vereador Pepe um dos mais atuantes no legislativo 

Nicole Chiaradia
Em 1ª discussão e votação, os vereadores aprovaram nesta segunda-feira (10), por seis votos a dois, o projeto de lei 1543, que autoriza o Poder Executivo a transferir a prestação de serviços de saneamento básico na Vila Rural Bom Jesus para a Companhia de Saneamento do Paraná (SANEPAR), e dispõem sobre as condições em que a mesma deverá ocorrer. A principal alegação para aprovação foi elevar o padrão de qualidade da água distribuída aos moradores, hoje fora dos parâmetros estabelecidos pelo Ministério da Saúde.

O Projeto de Lei, que deu entrada na Casa de Leis em 17 de outubro do ano passado, levantou muita discussão e polêmica entre vereadores e moradores locais. Não à toa, a matéria tramitou por mais de um ano no Legislativo e foi analisada pelas Comissões de Saúde, Constituição e Justiça, Obras e Serviços Públicos, Meio Ambiente e Agricultura, Finanças e Orçamento, pela assessoria jurídica da Casa e pelo Instituto Brasileiro de Administração Municipal (IBAM). Finalmente, no último dia 23 de outubro, a Câmara realizou uma Audiência Pública na comunidade do Bom Jesus para discutir o projeto. Estiveram presentes o Prefeito Municipal, Braz Rizzi (DEM), a Secretária de Meio Ambiente, Poliana Monti, o Gerente Regional da Sanepar, Juarez Wollz, o Presidente da Câmara, Luis Carlos Moreira (PV), o qual conduziu os trabalhos, e os vereadores Claudinei José Moreira, o Toddynho (PTC), Silvio de Jesus Trindade, do Alemão (PTB) e Vilson Soares (PSB).

Discussão

De autoria do Executivo, o Projeto 1543 atende ao abaixo assinado com 36 nomes, mais de um terço dos moradores locais, que reivindicava que a prestação de serviço de abastecimento fosse realizada pela Sanepar. Conforme dados do Censo de 2010, a Vila Rural Bom Jesus possui 53 residências, totalizando 102 habitantes. Na justificativa da matéria, o prefeito municipal Braz Rizzi escreve que a população local ‘consome água sem qualquer tratamento, colocando em risco toda a coletividade’, pois é a própria população que faz o tratamento e distribuição da água captada de uma mina, sob tarifa de R$ 6, sem qualquer procedimento técnico de análise de qualidade. A última avaliação feita da água consumida pelos moradores do Bom Jesus foi realizada pelo laboratório da Universidade Estadual de Ponta Grossa, em março de 2013, a pedido da Vigilância Sanitária. O resultado da análise mostrou que a água não se enquadra nos parâmetros estabelecidos pelo Ministério da Saúde.

Em contrapartida à preocupação sanitária, está a inquietação quanto à tarifa a ser cobrada pela Companhia de Saneamento. Alguns moradores, além do uso doméstico, cultivam hortaliças e utilizam grande volume de água. O Gerente Regional da Sanepar, Juarez Wollz, na Audiência Pública explicou que a taxa será de R$ 25,15 para consumo de até 10 mil litros de água, e para aqueles que se enquadrarem na Tarifa Social, pelo menos 50% das residências segundo levantamento da própria empresa, R$ 6,60.


TELEVENDAS 9990-4478

quarta-feira, 12 de novembro de 2014

MORTE DE JOVEM CAUSOU COMOÇÃO EM ARAPOTI

Um jovem de 19 anos de idade morreu em um acidente na rodovia PR-092, próximo ao distrito de Calógeras, entre Arapoti e Wenceslau Braz, na noite de Domingo (9).

Wesley Xavier de Mello (foto), conduzia um Santana com placas de Arapoti que se chocou com um barranco e capotou. Ele morreu no local. A Ocorrência foi atendida pela Polícia Rodoviária Estadual (PRE).

segunda-feira, 10 de novembro de 2014

PREFEITOS E DEPUTADOS SE REUNIRAM EM ARAPOTI

Péricles Mello, Marcio Pauliki e Aliel Machado
A reunião mensal realizada pela Associação dos Municípios dos Campos Gerais (AMCG) ouviu as propostas de cinco deputados eleitos na região. O encontro aconteceu na manhã desta sexta-feira (07) no Centro Administrativo Municipal Elvira Possatto Novochadlo em Arapoti. Estiveram presentes os deputados federais Aliel Machado – PCdoB (eleito) e Sandro Alex – PPS (reeleito) e os deputados estaduais Marcio Pauliki – PDT (eleito), Péricles de Holleben Mello – PT ( reeleito) e Plauto Miró Guimarães – DEM ( reeleito).

Os deputados reafirmaram os compromissos de lutar pelos interesses dos municípios da região. A reunião foi coordenada pelo presidente da AMCG, prefeito de Carambeí, Osmar Blum e pelo anfitrião, prefeito de Arapoti, Braz Rizzi. Também marcaram presença no evento o prefeitos de Ponta Grossa, Marcelo Rangel, de Palmeira, Edir Havrechaki, de Sengés, Elietti Jorge, de Telêmaco Borba, Luis Carlos Gibson, de Ventania, Luiz Bittencourt, de Jaguariaíva, José Slobodá, de Tibagi, Angela Mercer, de Ipiranga, Roger Selski, de Ortigueira, Lourdes Banach, de Ivaí, Jorge Slobodá, de Castro, Reinaldo Cardoso, de Piraí do Sul, Valentim Milléo e de Imbaú, Casemiro Borges de Oliveira.

Os prefeitos levantaram as principais reivindicações para os parlamentares, principalmente relacionadas as dificuldades financeiras vividas pelas maioria das prefeituras da região. Os prefeitos clamaram por um maior repasse de verbas dos Governos Estadual e Federal para honrarem seus compromissos. Os deputados prometerem lutar pela valorização dos municípios e pelo maior repasse de recursos através de ambas as esferas de Governo.
Com informações da Folha Paranaense

quinta-feira, 6 de novembro de 2014

VEREADORES VOTAM HOJE CONTAS DO LUIZ FERNANDO

Ex-Prefeito Luiz Fernando

A Câmara Municipal de Arapoti vota hoje a prestação de contas do ex-prefeito Luiz Fernando de Masi (PSDB), exercício 2011. A votação aberta ao público acontece às 17h30, no Plenário da Câmara, em Sessão Extraordinária.

O Tribunal de Contas do Estado (TCE-PR) já votou pela aprovação das contas, agora esta nas mãos dos vereadores que acatarão ou não a decisão do Tribunal.

Para ser aprovada Fernando precisará de pelo menos seis votos favoráveis dos nove vereadores.
As contas dos anos anteriores do ex-prefeito já foram aprovados pelo TCE e pela Câmara de vereadores.

quarta-feira, 5 de novembro de 2014

INÉDITO APROVEITE!

Faculdade marca vestibular totalmente grátis



A Faculdade de Ciências de Wenceslau Braz – FACIBRA marcou o vestibular do Curso de Pedagogia presencial para o dia 06 de Dezembro.

Quem quiser aproveitar esta grande oportunidade a inscrição é gratuita e as mensalidades foram reduzidas pela metade através de uma bolsa de estudo fornecida pela própria Faculdade.
O aluno vai investir apenas R$ 260,00 reais e vai estudar numa faculdade que tem o selo de qualidade como Melhores Universidades 2014 no Curso de Pedagogia avaliado pela Editora Abril.


A Faculdade de Ciências de Wenceslau Braz – FACIBRA, é mantida pelo Centro Educacional de Wenceslau Braz – CENEBRA – está situada à Avenida Augusto Paschoal da Silva, nº 670, fone 3528-3194, funciona com dois cursos reconhecidos pelo Ministério da Educação e Cultura: a) Curso de Administração, bacharelado, reconhecido pela Portaria nº 1.087, de 14 de dezembro de 2006; b) Curso de Pedagogia, Licenciatura Plena, Habilitação em Supervisão Escolar, reconhecido pela Portaria nº 222, de 22 de março de 2007.

terça-feira, 4 de novembro de 2014

RAPAZ É ASSASSINADO COM REQUINTES DE CRUELDADE


Um crime brutal chocou moradores de Arapoti, na madrugada deste domingo (2). Um adolescente de 17 anos foi encontrado morto em uma estrada rural às margens da PR-239, na região conhecida como Rincão. O corpo do jovem apresentava sinais de espancamento e atropelamento. A principal suspeita das autoridades policiais é que o rapaz tenha sido atropelado pelos autores do crime.

Segundo informações da Polícia Civil, a vítima do homicídio já tinha diversas passagens pela polícia e uma longa lista de inimigos. O corpo foi encontrado por volta das 7 horas de ontem ao lado de duas ripas de madeira sujas de sangue. Embora houvesse sinais de agressão, a suspeita é de que o atropelamento tenha provocado a morte do rapaz. Os investigadores acreditam que os autores das agressões tenham atropelado o adolescente após espanca-lo.

O caso é apurado pela Polícia Civil e outras informações não foram divulgadas para não atrapalhar o andamento das investigações -

- A rede

segunda-feira, 3 de novembro de 2014

SÓ POR DEUS! PADRE COLOCA BANDIDOS PRA CORRER

 O padre Celso Miqueli cortou um prego mas teve a tremenda coragem de enfrentar dois bandidos que entraram dentro do seu quarto na Casa Paroquial, ele estava dormindo quando as 5:30 da manhã se deparou com os vagabundos aos pés de sua cama. "Arrombaram a porta e entraram, saltei da cama e fui em direção aos bandidos que já estavam com minha carteira na mão e pediam pra eu passar o revólver. Deviam tá nervoso... nisso eu fui atrás deles que correram e saltaram o muro da creche.
 É muito chocante. Fiz B O e a PM está atrás dos sujeitos. Saber que tô vivo neste dia dos mortos só me resta agradecer a Deus" Disse o Padre. 
Os larápios conseguiram levar a importância de R$ 460,00 reais.

sábado, 1 de novembro de 2014

Mantida condenação de advogado que prestou serviços para Câmara de Vereadores


Na última quinta-feira a Segunda Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) negou, por maioria de votos, recurso apresentado por um advogado acusado de prestar serviços advocatícios de forma irregular para a Câmara de Vereadores de Arapoti. O contrato de prestação de serviços, no valor de R$ 30 mil, foi assinado sem licitação prévia e sem a publicação das razões de dispensa ou inexigibilidade.

Legitimidade e legalidade
O ministro Herman Benjamin relator do processo, afastou a inexigibilidade como regra na contratação de serviços advocatícios, ressaltando que será sempre necessário examinar os requisitos previstos no artigo 25 da Lei de Licitações. Segundo ele, é notório que a fiscalização da legitimidade e legalidade do ato administrativo depende da sua prévia ou contemporânea motivação.

“Ao contrário do alegado pelo advogado, o procedimento administrativo referente à dispensa de licitação não foi feito, e a justificativa de que a não publicação do extrato da situação de inexigibilidade se deu em razão da inexistência de comissão de licitação não merece respaldo”, afirmou o relator.

Segundo ele, “tal falta de organização administrativa não pode servir como fundamento a amparar condutas em manifesto confronto com a lei, logo, não foi realizado o procedimento de dispensa de licitação conforme determinado em lei”.

Contratação
Na origem do caso, um pedido de providências levou ao requerimento de busca e apreensão na Câmara Municipal de Arapoti. O acolhimento do pedido motivou a abertura de ação civil pública contra o então presidente da Câmara, Orlando de Souza, e outros vereadores para averiguação de possível desvio de dinheiro público (esquema de adiantamentos a vereadores e funcionários).

Em auditoria, constatou-se a existência de contrato de prestação de serviços advocatícios no valor de R$ 30 mil, celebrado sem prévia licitação e sem a publicação das razões de dispensa ou inexigibilidade entre a Câmara e Luiz Setembrino Von Holleben para acompanhamento do pedido de providências.

Tanto a sentença quanto o acórdão do Tribunal de Justiça do Paraná reconheceram a prática de ato de improbidade administrativa. O tribunal estadual entendeu que todos os envolvidos devem ser solidariamente responsáveis pelo ressarcimento integral do dano.
O relator do recurso no STJ, ministro Humberto Martins, ficou vencido. Os demais ministros da Segunda Turma acompanharam o ministro Herman Benjamin.

sexta-feira, 31 de outubro de 2014

MARCIO PAULIKI VISITA ARAPOTI: "Não serei um deputado Copa do Mundo"

O deputado estadual eleito Marcio Pauliki esteve em Arapoti agradecendo o apoio e a confiança da população. A visita aconteceu na última terça-feira (28).“Vou dar total atenção para Arapoti durante o meu mandato. Defendo a independência dos pequenos e médios municípios na área de saúde fortalecendo a média complexidade nestas cidades e na geração de emprego fortalecendo o comércio local e levando mais indústrias para toda a região, a marca do meu mandato será a presença, não serei um deputado Copa do Mundo que só vem de 4 em 4 anos, meu foco estará aqui”.  Veja o Vídeo: 


quinta-feira, 30 de outubro de 2014

VAI TER QUE ENGOLIR

 BRAZ É CONTRA: Promulgada Lei que institui entrega domiciliar de medicamentos

A Câmara Municipal de Arapoti promulgou na última quarta-feira (22), com publicação no diário
Vereador Lelo
oficial do município, a Lei 1535/14, de autoria do vereador Lelo Ulrich (PT), que institui a entrega domiciliar e gratuita de medicamentos de uso contínuo às pessoas com deficiência motora, multideficiência profunda com dificuldades de locomoção e idosos. O Ato Legislativo é consequência da rejeição dos vereadores ao veto do Prefeito Municipal, Braz Rizzi (DEM), no último dia 13 de outubro.

O Projeto de Lei 1610 foi aprovado por unanimidade no último dia 8 de setembro pela Câmara Municipal de Arapoti. Dezesseis dias depois, o Executivo retornou o projeto à Casa de Leis informando seu veto integral. Em 13 de outubro, por sete votos a um, o parlamento aprovou o Projetos de Decreto que determinou a derrubada do veto do Prefeito e a promulgação da Lei, agora vigente no município de Arapoti.


TELEVENDAS 9990-4478


quarta-feira, 29 de outubro de 2014

CIVIL E MILITAR PRENDEM DOIS ACUSADOS DE TRÁFICO





                        A Polícia Civil e Militar de Arapoti prenderam na manhã de hoje, 29.10, dois rapazes acusados de tráfico de drogas na Vila Romana. Denúncias indicavam que os rapazes estariam vendendo drogas na cidade. Foram realizadas investigações para comprovação das denúncias.
 Na manhã de hoje, os investigadores Angelo e Ricardo, Sd. Koguta, Hass e Sd. Cunha, foram até as residências dos rapazes e cumpriram Mandado de busca domiciliar, sendo encontrados em uma das casas vários invólucros de maconha preparados para venda, já na outra um tablete de maconha, um invólucro com crack, além de mais de R$ 1.000,00 advindos da venda de substância entorpecente e porções menores de maconha. 
Os dois acabaram sendo presos em flagrante delito por tráfico de drogas, permanecendo à disposição da Justiça.

Mensagem de Lula sobre as eleições de 2014

terça-feira, 28 de outubro de 2014

VEREADORES CARLINHOS E PEPE PARABENIZAM OS SERVIDORES PELO SEU DIA


Ser servidor público, como o próprio nome já diz, é estar a serviço do povo.
Um trabalho que exige compromisso e intensa dedicação.
Queremos parabenizar os servidores que contribuem, com eficiência e zelo, na realização de suas atividades.
Neste dia especial, agradecemos o empenho de todos aqueles que, através de seu trabalho, dão o máximo de si para tornar a vida da população Arapotiense cada vez melhor.



quinta-feira, 23 de outubro de 2014

José do Couto recebe título de Comendador


-Nicole Chiaradia
A Câmara aprovou por unanimidade nesta segunda-feira (20) o Projeto de Decreto nº195/2014, de autoria do vereador José Mauro da Costa (PP), que concede o título de Comendador dos Campos Floridos a José do Couto Costa Filho. A placa que oficializa a homenagem será entregue pela Câmara Municipal em evento solene a acontecer no mês de outubro, ainda sem data definida.

José do Couto não pôde estar presente na reunião, mas foi homenageado pelo autor da proposição, que o descreveu como uma ‘pessoa extraordinária, humana, ímpar, exemplar, de quem sou fã número um’, disse Mauro. “É justa a homenagem a uma pessoa que faz parte da história de Arapoti”, concluiu antes de fazer a leitura da biografia do homenageado.

Biografia
José do Couto Costa Filho nasceu em 07 de Janeiro de 1943, na cidade de Sertanópolis (PR), mas foi em Peabiru (PR) que passou toda a infância com seus pais José do Couto Costa e Paulina Ferrer Costa e seus cinco irmãos. No final de sua adolescência, mudou-se para Curitiba onde concluiu os cursos de Economia, Ciências Contábeis e Administração de Empresas, além de ter cursado 2 anos de Direito.

Iniciou sua carreira profissional muito cedo, ajudando seu pai na sorveteria da família na cidade de Peabiru. Mais tarde trabalhou em diversos bancos e em uma indústria de compensados navais. Iniciou no ano de 1973 o curso de Pós-Graduação em Gerência de Cooperativas, tendo o êxito de ser aprovado em primeiro lugar e conquistando o cargo de gerente nas principais cooperativas do Paraná. Foi quando em 01 de outubro de 1973 se mudou para Arapoti e assumiu o cargo de Gerente Administrativo na Capal Cooperativa Agroindustrial, onde atuou até 1984. Desde então trabalha como produtor rural na Fazenda Santa Helena, de sua propriedade, onde produz soja, milho, trigo, feijão, aveia e cria gado de corte.

Casou-se com Marisa Colodél do Couto Costa, com quem teve três filhos – Marcus Rodrigo, Carlos Marcel e Thanys. É avô de quatro netos, Isadora, João, Pedro e Eduardo.

Durante estes trinta anos em Arapoti, foi sócio fundador do Nhandejara Clube de Campo e do Rotary Club de Arapoti, onde desenvolveu inúmeros projetos em prol da comunidade Arapotiense, como: Desfavelamento da Vila Sapé e construção da Vila Humaitá; construção da Apae e do Lar do Idoso; além de ser um dos idealizadores do bailinho dos Idosos, juntamente com outros membros do Rotary.

PM de Curiúva recupera caminhão roubado em Arapoti


Neste sábado (18) , por volta das 23h45min, policiais militares foram acionados via fone pela central de monitoramento  da cidade de Curitiba informando que um caminhão Scania de placas AZR-3535 com carreta de placas AZR-1331 de cor vermelha havia sido furtada na cidade de Arapoti e tinha seguido rumo a cidade de Curiúva.

A equipe deslocou até a rodovia PR 090, onde avistou o referido veiculo, foi realizado acompanhamento tático e no km 256 próximo a cidade de Sapopema foi logrado êxito em abordá-lo. Realizada a abordagem o motorista foi identificado o qual relatou que o veículo havia sido furtado na cidade de Arapoti por 04 (quatro) indivíduos, os quais estavam em dois veículos, um Kadet de cor vinho e um Golf de cor prata, mas o mesmo relata somente conhecer um deles. Diante dos fatos foi dada da voz de prisão ao mesmo e encaminhado Juntamente com o caminhão para a 57 DRP de Curiúva para as providências cabíveis.

quarta-feira, 22 de outubro de 2014

Homenagem: Daniel de Azevedo recebe título de Comendador dos Campos Floridos

Daniel Azevedo
 Família de Daniel reunidos na Câmara 
 -Nicole Chiaradia
Acompanhado pela família, Daniel Pereira de Azevedo acompanhou na noite desta segunda-feira (20) a votação do Projeto de Decreto, de autoria do vereador Claudinei José Moreira, o Toddynho (PTC), que lhe concedeu o título de Comendador dos Campos Floridos. Aprovado por unanimidade, a placa que oficializa o título será entregue pela Câmara Municipal em evento solene a acontecer no mês de outubro, ainda sem data definida.

O vereador autor da proposição fez a leitura do extenso currículo de Daniel, citando sua extraordinária formação acadêmica e sua brilhante atuação filantrópica. “Com certeza estamos falando de uma pessoa ímpar, merecedora deste título tão especial”, iniciou Toddynho o seu discurso.

“Agradeço a Deus e minha família que sempre me apoiou e esteve ao meus lado, e ao povo de Arapoti que sempre nos retribuiu a cada centavo investido aqui em nosso município. Agradeço ainda aos vereadores, em especial ao vereador Toddynho que me surpreendeu com a indicação para este título tão importante. Uma honraria que é para mim, um estímulo, uma motivação para fazer ainda mais do que já fiz até hoje”, falou Daniel em agradecimento ao Título de Comendador.

Biografia
Daniel Pereira de Azevedo nasceu em 25 de outubro de 1948, no Bairro Lagoa, hoje situado no município de Telêmaco Borba (PR). Filho biológico de Damaso Teodoro de Azevedo e Isabel Pereira de Azevedo, Daniel foi criado desde os seis meses de idade pelo saudoso Otacilio de Souza, conhecido como ‘Seu Cide’, e Maria Alba Nunes, os quais considera seus verdadeiros pais.

Casado com Babizeli Nunes de Azevedo, tem três filhos, Danielle, Dany e Dabiany, e três netos, Victória, Danilo e Manoela.

Formou-se técnico em Contabilidade pelo Colégio Rui Barbosa, em Arapoti (PR), Economista e Administrador de Empresas pela UEPG (PR), Advogado pela Unoeste (SP). Concluiu especialização em Administração Pública, pela Fundação Getulio Vargas (RJ), e pelo IBAM (RJ). Membro da Associação dos Diplomados da Escola Superior de Guerra (ADESG - RJ), formou-se Técnico em Processo Legislativo, pelo Congresso Nacional/Brasília (DF) e Técnico em Pregão Público pela Receita Federal/Curitiba (Pr).

Foi engraxate, auxiliar de mecânico, latoeiro e barbeiro na Fabrica Mãe em Arapoti. Foi aprovado em concurso público e ingressou na Prefeitura Municipal de Arapoti em 1969, assumindo diversas funções. Em 1972, assumiu a Tesouraria Municipal e em 1977, já formado em economia, foi Secretario das Finanças até 1982, quando assumiu a Secretaria de Planejamento até 1992. Aposentou-se e lançou carreira na iniciativa privada, voltando ao serviço publico em 2005, quando assumiu o cargo comissionado de Secretario da Administração. Em meados de 2006, passou a Chefe de Gabinete do ex-prefeito Luiz Fernando de Masi. É fundador e sócio proprietário do Colégio Sespp, que completou em 2012 30 anos de atuação. Além disso, é corretor de imóveis desde 1987, ex-sócio fundador do Jornal Informativo Regional, ex-sócio fundador da Radio Arapoti e ex-sócio fundador do Posto Paranazão. Atualmente exerce a advocacia em Arapoti.

Atividades Filantrópicas 
É sócio fundador da APAE de Arapoti, da qual faz parte da diretoria até hoje; é colaborador da Associação dos Deficientes Físicos de Arapoti (ASDEFA), da qual também é Procurador Jurídico; é membro e Secretário do Conselho Municipal de Desenvolvimento Urbano; é membro do corpo jurídico da Comarca de Arapoti para defesa dativa na Justiça Gratuita; é Consultor do Conselho de Segurança de Arapoti; é sócio fundador da Associação dos Amigos da Fabrica de Papel (ASFAP); e como advogado fundou diversas associações de bairros e de classes de forma voluntária.

Daniel é membro do Rotary Club de Arapoti desde 1978 o qual presidiu por duas vezes, em 2000 e 2001. Ocupou todos os cargos no clube, sendo secretario e protocolo por mais de cinco vezes. Por duas vezes foi Governador Assistente do Distrito 4710, de Arapoti.